1584

Câmara Municipal de Candeias

Pular para o conteúdo

Sessão Solene marca o dia de Comemoração aos 62 anos de Emancipação Política de Candeias

Fonte: Ascom Câmara de Candeias
14/08/2020 às 14h54

Noticia

Galeria com imagens e vídeos sobre a matéria


Um ato solene reuniu autoridades locais na manhã desta sexta-feira (14), na Câmara Municipal de Candeias. Os festejos cívicos marcaram a passagem dos 62 anos de emancipação política do município.

Em virtude da Pandemia do Covid-19 e seguindo o protocolo das Organizações de Saúde, esse ano a cerimônia foi realizada de maneira reduzida. O evento contou com a presença de poucas pessoas.

Com uma programação simples, a sessão durou cerca de 1h30m. A Presidente da Câmara, Lucimeire Magalhães abriu a sessão antes das 11h da manhã. O frei Thiago Noronha, Pároco e Reitor do Santuário Nossa Senhora das Candeias proferiu algumas palavras e fez a prece do dia. Logo após foi entoado o hino do município e exibido um vídeo institucional feito pela Câmara de Vereadores. Em seguida, alguns vereadores fizeram uso da palavra e parabenizaram a cidade. Vídeos enviados pela secretaria de Cultura, de corais do município foram exibidos no telão.

O prefeito Pitágoras Ibiapina não se fez presente na sessão. Ivan Palma ex-vereador e que atualmente é secretário de governo da cidade representou o gestor e fez a leitura da mensagem do poder executivo.

Para encerrar, a Presidente do Legislativo Municipal, Lucimeire Magalhães fez o uso da tribuna. No discurso ela enalteceu o trabalho de todos os vereadores. Reforçou a importância do serviço de cada parlamentar e deixou claro que a Câmara sempre esteve ao lado da população, fiscalizando e propondo melhorias para cidade, votando todo projeto de lei vindo do município para o combate a covid-19. Reafirmou a importância do respeito entre as instituições e que toda a diferença política deve ser deixada de lado em favor do povo. “Temos que olhar pra frente e dizer que a cidade não pertence a grupo “A” ou grupo “B”, mas sim ao grupo C de Candeias. Não podemos ser submissos ao executivo nem muito menos evitar a integração com a gestão municipal e para isso o respeito com essa casa e seus edis tem que existir. ” Disse a vereadora.

Fechando a solenidade, foi entoado o hino nacional.

Entre os convidados, estiveram presentes: a vice-prefeita Marcia Gomes, o comandante da 10ª CIPM (Companhia Independente da Polícia Militar) Major Washington, o Reitor do Santuário Nossa Senhora das Candeias, Frei Thiago, o Pároco da Paróquia São Francisco de Assis, Padre Milton, vereadores, ex-vereadores, secretários municipais, veículos de imprensa e representantes civis.

História - A emancipação política de Candeias se deu em 14 de agosto de 1958, desmembrando-se de Salvador por decreto do governador Antônio Balbino. A Câmara de Vereadores só foi instalada em 7 de abril de 1959, quando houve a eleição da primeira mesa diretora da Casa.

A cidade começou sua atividade industrial nos engenhos de cana de açúcar, passando pela prospecção e refino de petróleo até a implantação da usina de biodiesel, uma das primeiras do Brasil.